quarta-feira, 11 de maio de 2016

Uso das correntes diadinâmicas e os cuidados durante a aplicação

          
         As correntes diadinâmicas foram desenvolvidas por Pierre Bernard no início da década de 50. Dentre suas principais características, destaca-se o fato de ser uma corrente polarizada, ou seja, trata-se de uma corrente com fluxo unidirecional de partículas carregadas, tendo, portanto, a capacidade de promover mudanças eletroquímicas sob os eletrodos. Cada eletrodo, de acordo com a sua polaridade, pode induzir a efeitos específicos. Por exemplo, no caso do edema, o polo positivo causa desidratação e o negativo causa hidratação. Abaixo estão representadas fotos de um pé edemaciado, antes do tratamento com as correntes diadinâmicas e imediatamente após a realização da terapia.


       Existem cinco tipos de correntes diadinâmicas: Corrente Difásica (DF), Corrente Monofásica (MF), Longos Períodos (LP), Curtos Períodos (CP) e Ritmo Sincopado (RS). 

  Veja o esquema abaixo e o uso de cada tipo de corrente:


        Por ser uma corrente unidirecional, as diadinâmicastem um efeito eletroquímico acentuado, favorecendo aformação de ácidos e bases fortes na região da aplicação, o que a torna quimicamente perigosa. Por esta razão, alguns cuidados devem ser tomados para evitar queimaduras e lesões no tecido:

      - O tempo de aplicação não deve exceder 20 minutos para não acumular ácidos e bases debaixo de cada um dos polos especificamente;
       - Deve-se estabelecer uma amplitude adequada;
    - A densidade da corrente deve ser menor do que 0,5mA/cm² no eletrodo negativo e 1,0 mA/cm² no eletrodo positivo;
      - Quando não for preciso efeito de polarização é necessário fazer uma inversão manual da polaridade da corrente.

               Para saber mais sobre essa modalidade terapêutica, assista ao vídeo abaixo:




         

   REFERÊNCIAS

REINERT, Taísa Carla de. Uso de Correntes Polarizadas (Diadinâmicas de Bernard) para redução de Edema em Lesões Traumáticas Agudas Induzidas de Ratos 2004. Trabalho de Conclusão de Curso de Fisioterapia (Monografia)  – Centro de Ciências Biológicas e da Saúde da Universidade Estadual do Oeste do Paraná, campus Cascavel. Disponível em: < http://www.unioeste.br/projetos/elrf/monografias/2004-1/tcc/pdf/taisa.pdf>

CAMARGO, Bruna Fortunato; SANTOS, Mariana Mendonça dos; LIEBANO, Richard Eloin. Efeito Hipoalgésico das Correntes Diadinâmicas de Bernard em Indivíduos Saudáveis. Universidade Cidade de São Paulo (UNICID). São Paulo, SP. 2012  Disponível em: < http://www.scielo.br/pdf/rdor/v13n4/04.pdf>

BRASIL. Eletroterapia Explicada – Princípios e prática. Jonh Low e Ann Reed, 3ª edição. Editora: Manole. Acesso em: 22/04/2016.

14 comentários:

  1. Achei muito interessante, o artigo do uso de correntes diadinamicas e suas aplicações no tratamento de edemas/traumas, e ainda considerando no campo da fisioterapia, é realmente surpreendente.

    ResponderExcluir
  2. Que incrível, conseguiram clarear tudo! Parabéns pelo post, o vídeo ficou excelente!

    ResponderExcluir
  3. Um modo diferente de aprender sobre essa corrente. Muito criativo, parabéns!!

    ResponderExcluir
  4. O vídeo sobre esse assunto foi extremamente esclarecedor! Parabéns pela criatividade, facilitou muito o processo de compreensão!

    ResponderExcluir
  5. Fantástico trabalho! Muito bom o post em si, evidenciando a importância dos cuidados que se deve ter com essa corrente, que pode gerar queimaduras químicas, e, principalmente o vídeo, que ficou muito bem esclarecido. Parabéns!

    ResponderExcluir
  6. Excelente artigo e de fácil linguagem.
    Essa conexão entre fisioterapia e o uso de correntes diadinamicas é bem interessante.

    ResponderExcluir
  7. Esse BLOG é realmente muito bom para nós estudantes de Fisioterapia! Sobre o Post achei excelente, estão de parabéns! O conteúdo é muito interessante e confiável! Recomendo!

    ResponderExcluir
  8. Um ótimo assunto, fica ai mais um recurso a ser usado para tratar a saúde dentro da fisioterapia. Bem explicado e com foco,acredito que até quem não detêm de conhecimento técnico conseguiu entender bem a aplicação. Continuem com esse bom trabalho.

    ResponderExcluir
  9. Muito criativo e esclarecedor, o vídeo está bem bacana mesmo. Parabéns pelo trabalho!

    ResponderExcluir
  10. Estão de parabéns !

    ResponderExcluir
  11. Parabéns, excelente artigo sobre o uso desse método fantástico, que proporciona ótimos benefícios.

    ResponderExcluir
  12. Excelente trabalho. Muito bom ver essa dedicação em tornar o conhecimento mais acessível. Vcs conseguiram compartilhar o conhecimento de forma simples e clara.
    Parabens mesmo

    ResponderExcluir

Deixe seu cometário aqui.