domingo, 10 de abril de 2016

PLATAFORMA VIBRATÓRIA NA REABILITAÇÃO

     Caros leitores,

     Nosso post de hoje irá abordar sobre o tratamento de pacientes utilizando a plataforma vibratória. Mas antes de começar a falar é importante entendermos um pouco mais sobre esse aparelho que muita gente já ouviu falar, porém ainda não sabe dos inúmeros benefícios que ele pode promover.

     A chamada PLATAFORMA VIBRATÓRIA é um aparelho que foi criado nos anos 30, por Sanders e Whedon. Entretanto, foi somente a partir da década de 80 que os os benefícios da vibração de corpo inteiro (VCI) começaram realmente a ser investigados. Nessa mesma época, a VCI foi usada para reabilitar astronautas que se mantinham por bastante tempo no espaço, submetidos à gravidade zero. A partir de então, devido aos seus significantes resultados, a plataforma vibratória ganhou espaço entre profissionais da saúde como os fisioterapeutas, educadores físicos e na área estética.

     Abaixo estão sendo citadas algumas das indicações da VCI:
• Coadjuvante no tratamento da osteoporose, artrose entre outras doenças osteo-articulares com a finalidade de aumentar a densidade óssea, fortalecer articulações e consequentemente recuperar e prevenir possíveis lesões.
• Aumentar a taxa metabólica a fim de promover melhora na aptidão física, cardiorrespiratória e na vascularização periférica do individuo.
• Favorece o aumento da força/potência muscular por meio do recrutamento de fibras de contração rápida mediante a ativação de neurônios motores.
• Auxiliar na coordenação e equilíbrio.

Os benefícios induzidos pela VCI dependem de como a plataforma vibratória foi ajustada. Os parâmetros da plataforma podem ser alterados por meio da amplitude (variando entre 2-10 mA), frequência (variando entre 12 – 15 Hz) e tempo de exposição (30 – 60 segundos), estando estes presentes nas plataformas atualmente disponíveis. A seleção dos valores a serem utilizados depende das especificidades do paciente e do objetivo de intervenção.


     Mas como todos os aparelhos que influenciam nas funções do corpo, são necessários ter alguns cuidados prévios durante o tratamento, pois uma amplitude e frequência reguladas de forma incorreta, associada a uma utilização prolongada, podem acarretar em danos nos nervos periféricos, vasos sanguíneos e articulações.




Referências:
Efeitos da plataforma vibratória no equilíbrio em idosos  - Patrícia Zambone da Silva; Rodolfo Herberto Schneider(http://www.actafisiatrica.org.br/detalhe_artigo.asp?id=25)
O uso da vibração como método auxiliar no treinamento de capacidades físicas: uma revisão da literatura -Camilla ZamfoliniHallal; Nise Ribeiro Marques; Mauro Gonçalves (http://repositorio.unesp.br/bitstream/handle/11449/20826/WOS000284782500027.pdf?sequence=3&isAllowed=y)
Efeitos da plataforma vibratória no sistema musculoesquelético - Thiago Vilela Lemos; Lorena Maia Pereira (http://www.nee.ueg.br/seer/index.php/movimenta/article/viewFile/575/468)
IMMEDIATE EFFECTS OF WHOLE-BODY VIBRATION ON THE MOTOR FUNCTION OF PATIENTS WITH STROKE - A RANDOMIZED CLINICAL TRIAL (file:///E:/Documents/Downloads/SilvaAdrianaTeresa_M.pdf)
Efeitos do Treinamento com Plataformas Vibratórias - Batista, M. A. B.; Wallerstein, L. F.; Dias, R. M.; Silva, R. G.; Ugrinowitsch, C.; Tricoli, V (http://portalrevistas.ucb.br/index.php/RBCM/article/viewFile/766/769)
Imagem 1 – Plataforma vibratória, marca KIKOS – (https://www.walmart.com.br/categoria/esporte-e-lazer/plataformas-vibratorias/?fq=C%3A345%2F357%2F996%2F)
Imagem 2 – Utilização da plataforma vibratória com acessório e modificação da posição (http://www.sinergiapilatesestetica.com.br/bodyfit.php)
Imagem 3 – autoria do próprio grupo

19 comentários:

  1. Muito bacana o post , parabéns !!

    ResponderExcluir
  2. Gostaria de saber se a plataforma também funciona para o emagrecimento. Há algum estudo comprobatório?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Na literatura há estudos que mostram a eficácia da plataforma vibratória para o emagrecimento quando combinada a outras terapias como, radiofrequência, terapia combinada e drenagem linfática manual.
      Obrigado pela pergunta!

      Excluir
  3. Otimo! Trabalho muito bem feito e explicado. Parabéns !!!

    ResponderExcluir
  4. Informações muito úteis! Valeu!!!

    ResponderExcluir
  5. Post muito bom! Vale a pena ler e conhecer sobre o assunto, que as vezes muitos ainda não tem conhecimento!

    ResponderExcluir
  6. Faço treinamento funcional e utilizo a plataforma vibratória, a principio não acreditei nos seus benefícios, mas ao contrario do que pensamos ela além de exigir muita força física e concentração nos permite ficar menos tempo dentro da academia potencializando a atividade física e nos fazendo suar bastante. Recomendo o uso com acompanhamento de um profissional.

    ResponderExcluir
  7. Muito bom!
    Não imaginava que a plataforma vibratória beneficiava tanto!
    Ótimo informativo!

    ResponderExcluir
  8. Muito boa a explicação. Parabéns!!

    ResponderExcluir
  9. Artigo interessante
    Uma vez ajudei minha irmã em um trabalho sobre os impactos nas articulações sofridas pelos jogadores de Vôlei e suas implicações assim também como na prática de outros esportes.
    Poderia-se explanar mais sobre os efeitos das vibrações nas articulações.

    ResponderExcluir
  10. Parabéns, um trabalho super interessante e de grandes benefícios.

    ResponderExcluir
  11. Muito interessante o trabalho.
    Parabéns

    ResponderExcluir
  12. Não conhecia esse tipo de tratamento.
    Achei muito interessante mesmo.

    ResponderExcluir
  13. Gostei!! Está de fácil compreensão, bem escrito, além fazer um belo esclarecimento sobre a plataforma vibratória.

    ResponderExcluir
  14. Que sensacional! Uma abordagem muito bem feita sobre um aparelho que muitos achavam que serve pra perder peso, mas que tem mega utildades na reabilitação. Parabéns!

    ResponderExcluir
  15. Adorei o post! Muito criativo. Gostaria de fazer uma pergunta: meu avô de 68 anos tem a Doença de Parkinson. Ela seria útil para o tratamento dessa doença, ja que ela ajuda na reabilitação neuromuscular também?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Quando utiliza-se a plataforma vibratória com parâmetros adequados e de forma controlada, há resultados satisfatórios em relação ao equilíbrio, diminuição dos tremores e dores musculares, podendo assim ser usada como coadjuvante no tratamento fisioterapêutico. Mais informações podem ser obtidas no estudo de Oliveira et al, 2014.
      Obrigado pela pergunta!

      Excluir

Deixe seu cometário aqui.