quarta-feira, 7 de junho de 2017

A importância dos Recursos Terapêuticos Físicos (RTF’s) na fisioterapia esportiva




AFINAL, O QUE É FISIOTERAPIA ESPORTIVA?

A Fisioterapia Esportiva é uma especialidade da Fisioterapia que visa reabilitar, tratar e prevenir lesões de atletas ou de qualquer outro indivíduo que pratique alguma atividade física. Tem como principal objetivo devolver o indivíduo para a prática esportiva, com segurança, o mais rápido possível, após uma lesão. 



PORQUE UTILIZAR RECURSOS TERAPÊUTICOS FÍSICOS NA FISIOTERAPIA ESPORTIVA?

O atleta, diferente de outros indivíduos, executa todas as funções do seu corpo, no máximo de potência e amplitude, para realização perfeita de todos os movimentos que sua prática esportiva exige, estando, por esse motivo, mais predisposto a lesões. Dependendo do tipo e local da lesão e das necessidades do indivíduo, a fisioterapia dispõe de alguns recursos para seu tratamento. Dentre os recursos, se encontra os Recursos Terapêuticos Físicos, que tem como objetivo auxiliar no processo de recuperação do atleta, para que o mesmo possa retornar em um curto espaço de tempo a sua prática esportiva. 

Figura 2: Crioterapia y Termoterapia ¿Cuando una e cuando otra? (disponível em http://phisiobasic.com/crioterapia-y-termoterapia-cuando-una-y-cuando-otra/)


RESFRIAMENTO E AQUECIMENTO TERAPÊUTICOS

O aquecimento e o resfriamento terapêuticos são utilizados na fisioterapia esportiva para o tratamento de lesões musculoesqueléticas.
A crioterapia é o uso do resfriamento como recurso terapêutico. Abrange uma grande quantidade de técnicas que usam a água nas formas líquida, sólida e gasosa, com o objetivo de reduzir a temperatura do local lesionado, na faixa de 13 C a 18 C, proporcionando benefícios fisiológicos e terapêuticos.
- Benefícios terapêuticos da crioterapia: redução da dor, contensão do processo inflamatório e do edema e redução do espasmo muscular.
- Contraindicações: hipersensibilidade/intolerância ao frio, área com comprometimento circulatório ou doença vascular periférica.

Dentre as várias formas de resfriamento, o protocolo PRICE é uma das técnicas mais aplicadas para tratamento das lesões esportivas.
Esse protocolo é utilizado principalmente no pós trauma imediato, em lesões musculares e articulares, com o objetivo de minimizar os sinais e sintomas da reação inflamatória aguda, como dor e a formação do edema. 

As letras da sigla PRICE significam:

P (Protection) – PROTEÇÃO com o objetivo de diminuir o estresse sobre a estrutura lesionada. 
R (Rest) - REPOUSO  orientado para permitir a recuperação tecidual.
I (ICE) - GELO  ajuda a controlar os sinais e sintomas da fase inflamatória aguda.
C (Compression)- COMPRESSÃO  associado com o gelo ajuda a minimizar a formação do edema  
E (Elevation) - ELEVAÇÃO da área lesionada para que a gravidade possa atuar no controle do edema 

Diferente da crioterapia, as modalidades de aquecimento tecidual são contraindicadas no pós trauma imediato, sendo usadas mais na fase proliferativa do reparo tecidual ou como coadjuvante no controle da dor, atuando positivamente na quebra do ciclo dor-espasmo-dor. Assim como a crioterapia, há várias formas de promover o aquecimento tecidual, sendo as modalidades de aquecimento superficial, tais como as compressas quentes, as mais popularmente usadas. Entretanto, para um aquecimento mais profundo e de mais intensidade, a diatermia por ondas curtas ou pelo microondas são mais indicadas.
Contraindicações: fase inflamatória aguda, alterações circulatórias, alteração da sensibilidade térmica e dolorosa, hemorragia, tumores e sobre feridas abertas.  

ELETROTERAPIA

Essa é outra modalidade física muito útil para o tratamento das lesões esportivas. A eletroterapia é  o uso da corrente elétrica de baixa (0 a 200 Hz) e média frequência (1000 a 10.000 Hz) para fins terapêuticos.

Lembre-se: Nem tudo que se liga na tomada é eletroterapia!!!!



CONTRAINDICAÇÕES:

- Utilização sobre vasos sanguíneos trombóticos ou embolíticos;
- Vasos vulneráveis à hemorragia;
- Área abdominal de gestantes;
- Sobre seios carotídeos;
- Alterações de sensibilidade;
- Indivíduos com dermatite;
- Tecidos neoplásicos, estado febril, infecções em geral.





REFERÊNCIAS BIBLIOGRÁFICAS:

- NERY, Ariani. Termoterapia. Disponível em >http://fisioterapia.com/termoterapia/< Acesso em: 18 set. 2016
- MARIANO, Fábio Pamplona. Crioterapia. Disponível em >http://mobilitafisioterapia.com/crioterapia/<
- HAUSCHILD, Romualdo. Efeitos da Eletroterapia. Disponível em >http://amigosdacura.ning.com/profiles/blogs/efeitos-da-el-troterapia< Acesso em 31 de maio de 2012
- ANJOS, Marco Tulio Saldanha dos. Quem e o que pode ser tratado pelo fisioterapeuta esportivo? Disponível em >http://www.sonafe.org.br/site/detalhes-artigo/54< Acesso em 11 de maio de 2017 

20 comentários:

  1. Super indico esse blog!
    Com uma explanação sensata e de fácil aprendizado.
    Gostei bastante!

    ResponderExcluir
  2. Achei ótimo o esclarescimento de fisioterapia esportiva. Pois tenho uma filha que é jogadora de futebol e sempre precisa de certos cuidados. E agora entendi o porque do RESFRIAMENTO E AQUECIMENTO TERAPÊUTICOS. Pois,via acontecer e não sabia o porque, agora com este texto,pude perceber o que sempre acontecia com algumas atletas. Ficou claro e de ótima compreensão. Obrigada por me proporcionar esta leitura de um tema que nem fazia idéia.

    ResponderExcluir
  3. Achei muito interessante em saber que os atletas usam desses métodos terapeuticos quando sofrem alguma lesão, uma forma que ajuda mais rápido na melhora dos mesmos para que eles possam voltar a praticar normalmente. Parabéns pelo trabalho, ficou muito interessante e bem explicado!

    ResponderExcluir
  4. Bacana ressaltar que o aquecimento não deve ser feito no início das lesões. A maioria das pessoas acaba fazendo errado achando que o calor é que vai ajudar no início. Por isso e por outros inúmeros fatores precisamos entender a importância da fisioterapia na realização.

    ResponderExcluir
  5. Gabrielle Pereira8 de junho de 2017 00:14

    Eu adorei a explicação sobre o tema abordado, pois eu sou atleta e depois de ter lido essas informações eu pude concluir o porque de alguns tratamentos de que fui submetida. Por exemplo o "resfriamento e aquecimento terapêutico" muitos atletas são direcionados a esse tratamento, mas não sabem o porque e nem qual é a ação desse método, esse era o meu caso. Agora eu estou esclarecida sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  6. Ótimo! É mais uma forma de esclarecimento. O blog ficou claro e objetivo. Parabéns

    ResponderExcluir
  7. Muito interessante, está muito completo essa explicação(...)

    ResponderExcluir
  8. Ficou ótimo ... muito bem explicativo!

    ResponderExcluir
  9. Muito bom
    Eu tinha dúvidas sobre quando usar terapia com calor, e quando usar terapia com frio. E pude esclarecer minhas dúvidas, obrigado ^^

    ResponderExcluir
  10. Interessante!!! Me deparei com esse texto por acaso, pesquisando para um trabalho!
    Parabéns ótimo Polst !!!!

    ResponderExcluir
  11. Bakana em.....é muito bom estar bem informado sobre saúde. Adorei.

    ResponderExcluir
  12. Excelente assunto abordado. Esse blog é muito bom para exploração de assuntos relacionados à fisioterapia, pois esse assunto é muito importante em nossos dias, devido à grande demanda desses profissionais, haja vista que todos hoje praticam algum esporte. Parabéns.

    ResponderExcluir
  13. Assunto muito pertinente para os nossos dias, haja vista que a maioria da população pratica uma atividade física, e necessitam de uma profissional da fisioterapia para acompanhamento e orientação.

    ResponderExcluir
  14. Ótimo! Objetivo e esclarecedor.
    Parabéns aos alunos!

    ResponderExcluir
  15. Parabens pelo trabalho!!

    ResponderExcluir
  16. Muito interessante! Parabéns pela matéria!

    ResponderExcluir
  17. Mto interessante, parabéns pelo trabalho!!

    ResponderExcluir

Deixe seu cometário aqui.