terça-feira, 22 de outubro de 2013

Ondas Curtas e Osteoartrose

O Ondas Curtas é um recurso terapêutico que fornece radiação eletromagnética de alta frequência, contínua ou pulsada.
Quando usado no modo contínuo, gera efeitos térmicos que levam a alterações fisiológicas como o aumento do metabolismo, vasodilatação local e consequente aumento da circulação, além do aumento da velocidade de condução nervosa e do limiar de dor. A vibração em alta frequência é capaz de promover o aquecimento em estruturas e tecidos profundos, principalmente músculos e grandes articulações, o que pode favorecer o aumento do fluxo sanguíneo local, diminuir sinais e sintomas inflamatórios, diminuir a rigidez articular e aliviar as dores e o espasmo muscular, otimizando assim, a cicatrização tecidual, o ganho de amplitude de movimento e flexibilidade, dependendo do grau de aquecimento dessas estruturas.

O Ondas Curtas, quando usado no modo pulsado, gera efeitos atérmicos, mais relacionados a efeitos fisiológicos ligados ao potencial de membrana celular. É geralmente utilizado no tratamento de lesões músculo esqueléticas e em feridas do tecido mole.

Estudos vêm sendo desenvolvidos sobre os efeitos desse recurso terapêutico no tratamento da osteoartrose. A osteoartrose é caracterizada como uma doença crônico degenerativa da cartilagem articular, que apresenta, inicialmente, sintomas que se manifestam de forma lenta e discreta. Os principais sintomas da osteoartrose são: dor articular e rigidez articular pós-repouso ou pela manhã. Outros sintomas clínicos da osteoartrose são: inchaço, calor local e, muitas vezes, ruídos na articulação que aparecem durante o movimento.
Durante o tratamento, os efeitos gerados pelo Ondas Curtas é capaz de promover  analgesia e uma diminuição da rigidez articular, sendo que nesse caso, o Ondas Curtas contínuo apresentou resultados mais eficazes, melhorando a flexibilidade muscular.
Devido ao calor fornecido pelo Ondas Curtas, ocorre uma excitabilidade dos receptores sensoriais da pele. Esse larestímulo irá agir nos mecanorreceptores e no mecanismo das comportas, favorecendo um efeito analgésico. O aquecimento pode causar também, alterações nas propriedades dos tecidos, e o aumento da temperatura em uma articulação pode mudar a viscosidade do liquido sinovial e diminuir a resistência tênsil do colágeno, reduzindo a rigidez articular. No entanto, Oosterveld e Rasker (1994) afirmaram que temperaturas superiores a 30°C ativam as enzimas que degradam a cartilagem em articulações inflamadas, promovendo maior destruição da mesma.
Pesquisas indicam que ainda faltam estudos conclusivos nessa área. Nesse aspecto, segue o link para reportagem sobre o projeto de pesquisa que vem sendo desenvolvido na Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais pela Professora e Doutora Angélica Araújo, que aborda o tema em questão. 

http://globotv.globo.com/rede-globo/mgtv-2a-edicao/t/edicoes/v/pesquisa-desenvolvida-pela-puc-busca-voluntarios-com-artrose/2848294/







1.        Pode promover um efeito térmico de aquecimento em estruturas mais ________________.

2.        A ________________ e o aumento do ________________, são duas mudanças fisiológicas promovidas pelo recurso.

3.        O ondas curtas pode também promover um efeito ________________.

4.        A osteartrose, é uma doença ________________, relacionada com a lesão ________________ da cartilagem articular.
5.        Para se fazer o uso do ondas curtas, é necessario que o paciente não tenha nenhum tipo de contato com objetos metálicos durante o tratamento devido a característica de condução do metal. Com isso, uma de suas contra- indicações é o ________________.
6.        Uma das sensações do paciente durante o tratamento com o ondas curtas é a de ________________.

7.        O principal sintoma da osteoartrose é a dor ________________.

8.  A escolha da dose para aplicação de ondas curtas tende a ser no sentido de uma dose mais ________________ para condições mais agudas e uma dose mais ________________ para condições crônicas.
9.   O uso de ondas curtas é indicado principalmente no tratamento de dores crônicas em qualquer parte do corpo, sendo que as que melhor respondem a este tratamento são as dores ________________ e ________________.
10.   Para favorecer um efeito analgesico, o estimulo gerado pelo ondas curtas, irá atuar nos _____________ e no mecanismo das ______________ .
11.   Ondas curtas pode gerar um efeito ____________ e _____________.



1- profundas
2- vasodilatação e metabolismo
3- analgésico
4- crônica, degenerativa
5- marcapasso
6- calor
7- articular
8- baixa, alta
9- musculares, articulares
10- mecanoeceptores; comportas

11- térmico e atérmico



13 comentários:

  1. Achei a matéria bastante interessante. A explicação colocada teve um bom entendimento, e a forma interativa feita através do caça palavras foi um jeito muito bacana para testar os conhecimentos sobre o assunto.

    ResponderExcluir
  2. Ótima reportagem. A osteoartrose é uma doença que acomete principalmente idosos e é muito comum em clínicas de fisioterapia. Por isso considero ser muito importante ter em mente as várias técnicas de tratamento disponíveis. Apenas gostaria de ressaltar que a osteoartrose não possui cura. Portanto, é importante deixar claro que o Ondas Curtas pode ajudar a diminuir os sintomas e a retardar a progressão da doença.

    ResponderExcluir
  3. Tem uma pesquisa sendo desenvolvida na PUC Minas, sobre osteoartrose de Joelho.
    Para o ganho de amplitude de movimento, seria interessante utilizar a cinesioterapia, assim sendo efetiva o ganho de ADM.

    ResponderExcluir
  4. É recomendado que para segurança ocupacional e para a segurança dos demais equipamentos eletrônicos que estiverem por perto que todo equipamento de ondas curtas fiquem isolados de vista eletromagnético, de modo que a sala onde eles estejam tenham um isolamento chamado de gaiola de Faraday.
    Keila 4°período

    ResponderExcluir
  5. O post foi bem desenvolvido e o uso da atividade de completar as lacunas, ao final do post, é um recurso que facilita a compreensão do uso do ondas curtas, que é um recurso físico que promove efeitos térmicos e atérmicos no tecidos biológicos, no tratamento de osteoartroses; uma vez que instiga a curiosidade e o senso de competição dos leitores.
    Phillipe Marques, 4° período de Fisioterapia (PUC Minas).

    ResponderExcluir
  6. Quais seriam as contraindicações do ondas curtas no tratamento de osteoartrose no caso do paciente apresentar outra patologia associada?

    ResponderExcluir
  7. Adorei o artigo , ficou bem didático, mas existe algum cuidado ou precaução que se deve tomar durante o tratamento com Ondas Curtas ?
    Gabriela Gonçalves ,4° Período, Fisioterapia

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Samara- 4º período6 de novembro de 2013 18:45

      Existe sim Gabriela.
      O paciente não pode estar em contato com nenhum tipo de material metálico (inclusive brincos), devido à propriedade deste de condução de calor.
      Com isso, esse recurso é contra- indicado para pacientes que apresentem marca- passos, próteses metálicas, dentre outros
      Espero ter ajudado!

      Excluir
  8. O tema do trabalho foi bem abordado. Achei muito interessante a pesquisa que está sendo desenvolvida pela PUC - Minas.

    Laryssa Galo - 4° período de Fisioterapia

    ResponderExcluir
  9. O trabalho ficou bem elaborado e criativo. Achei bem bacana a brincadeira colocada no final.
    Larissa Izabel Jamar , 4° Período , Fisioterapia

    ResponderExcluir
  10. Adorei o post, muito criativo e trouxe o tema de maneira simples de forma a facilitar a compreensão, o que estimula o leitor a conhecer mais sobre esse tema.
    Luísa Nassif Silva /4° período- fisioterapia

    ResponderExcluir
  11. A osteoartrose acomete grande parte da população mais idosa. Devemos nos preocupar cada vez mais com este assunto pois é de extrema importância. Trabalho bastante criativo.
    Isabella Campolina, 4° Período , Fisioterapia

    ResponderExcluir
  12. Muito bom post,bem dinamica.Conseguiu ser direta explicar como funciona o ondas curtas térmico e atermico e ainda associar a uma doenca bem comum que e a osteoartrose; no final ainda fez uma pequena brincadeira com o tema que ajuda a fixar mais a matéria.
    Gabriel Kendy-4°periodo

    ResponderExcluir

Deixe seu cometário aqui.